Ed. New York Square Av. 136, 797

Ala B - Cj. 1105 – Setor Sul Goiânia - GO

Rinoplastia Aberta X Fechada – Quais as diferenças?

 

 

A harmonização de rostos assimétricos ou mesmo a melhoria de queixas funcionais ligadas à respiração fazem com que a Rinoplastia seja uma das cirurgias mais procuradas, atualmente.

 

Em linhas gerais, existem duas técnicas que podem ser adotadas pelo cirurgião especializado em Rinoplastia: aberta ou fechada. Mas qual a diferença entre elas? Como e por quem é feita essa escolha?

 

Durante a semana, por meio das redes sociais (@dr.ricardoferri) tratamos sobre o assunto e neste artigo responderemos algumas dúvidas que surgiram e foram enviadas pelos seguidores.

 

Continue lendo e, havendo dúvidas, não hesite em entrar em contato.

 

 

RINOPLASTIA FECHADA

 

 

É a primeira técnica cirúrgica utilizada nos procedimentos voltados para o nariz.

 

Realizada através de incisões intranasais, normalmente para alterações mais sutis, essa abordagem cirúrgica não dá ao cirurgião 100% de visão total do procedimento. Ou seja, o cirurgião consegue visualizar parcialmente as alterações que estão sendo realizadas.

 

 

Quais as vantagens?

  • Ausência de incisões externas;

 

Quais as desvantagens?

  • Limitação da visão total do procedimento e do que está sendo feito no nariz.

 

 

RINOPLASTIA ABERTA

 

 

Em 1921, Rethi – um cirurgião e pesquisador da área – propôs uma incisão na columela para que toda a pele do nariz fosse descolada, permitindo assim, uma maior e melhor visualização da cirurgia.

 

Isso acontece porque toda a estrutura do nariz fica exposta, permitindo ao cirurgião que faça a remodelação, removendo ou acrescentando tecidos e cartilagem até que se atinja a aparência desejada.

 

Quais as vantagens?

 

  • Resultados mais seguros;
  • Maior e melhor visualização do campo cirúrgico;
  • Melhor correção das deformidades;
  • Posicionamento preciso de suturas.

 

Quais as desvantagens?

 

  • Procedimento pode ser mais demorado;
  • Cicatriz externa – mesmo estando do lado das desvantagens, a cicatriz desse procedimento é mínima, praticamente imperceptível.

 

 

A decisão e planejamento da sua rinoplastia é de responsabilidade do seu cirurgião que levará em consideração o caso a ser tratado e, claro, os resultados pretendidos. Ainda que muitos cirurgiões optem pela técnica fechada, a abordagem aberta é a que mais é realizada nos tempos atuais.

 

É importante lembrar que não há uma técnica melhor que outra. Afinal, ambas as técnicas permitem resultados satisfatórios.  Alguns estudos, no entanto, mostram a incidência de pacientes satisfeitos é maior por quem realizou a rinoplastia aberta.

 

Vale ressaltar que a sua conversa com o cirurgião escolhido para realizar a cirurgia do seu nariz é de fundamental importância para que você esteja seguro no momento da sua rinoplastia e, sobretudo, é um direito seu.

 

 

Dr. Ricardo Ferri – Otorrinolaringologista e Rinoplastia – CRMGO 9674 / RQE 4573

Compartilhe:

Dr Ferri

“A arte da rinoplastia não recai unicamente na maestria da técnica, mas também, e sobretudo, na habilidade de compreender os objetivos e as motivações de cada paciente.” – Dr. Ricardo Ferri

Saiba mais

Leia sobre

Assine nossa newsletter

    Receba novidades sobre o segmento e seja notificado sobre novidades. Não se preocupe, não enviaremos nenhum Spam.

    Entre em contato








      ricardoferri@ricardoferri.com.br

       

      +55 11 62 3924 1300     +55 11 9 8179 2388

       

      Ed. New York Square Av. 136, 797 – Ala B – Cj.

      1105 – Setor Sul Goiânia – GO – CEP 74093-250

      Copyright 2022 - DR Ricardo Ferri – Todos os direitos reservados